segunda, 30 de agosto de 2021 - 08:05h
Reeducandas da COPEF são beneficiadas com três cursos profissionalizantes
Parceria entre SENAI e IAPEN possibilitou a oferta de cursos profissionalizantes para mulheres privadas de liberdade
Por: ASCOM IAPEN
Foto: ACERVO IAPEN

Reeducandas do sistema penitenciário do Amapá estão sendo beneficiadas com a oferta de cursos profissionalizantes. A iniciativa é resultado da parceria do Instituto de Administração Penitenciária do Amapá - IAPEN e do Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial - SENAI. A parceria resultou na oferta de 3 cursos profissionalizantes nas áreas de Assistente Administrativo, Recursos Humanos e Assistente de Controle e Qualidade.

O cronograma de cursos que iniciou neste mês de agosto, prevê a conclusão em 2022. As capacitações ocorrerão em sequência, Cada formação tem duração de 160h e será ministrada de maneira semipresencial, com momentos virtuais e presenciais. O primeiro, Qualificação Profissional em Assistente Administrativo Semi presencial começou no dia 16 com o módulo de comunicação Oral e Escrita. Um total de 27 reeducandas participam do curso que terá mais três módulos: Fundamentos de Informática, Rotinas Administrativas e Organização e Controle de Documentos.

A Coordenadoria da Penitenciária Feminina - COPEF selecionou as participantes com base no comportamento durante o cumprimento da pena e o interesse da candidata. O benefício de aprender uma nova profissão de graça faz parte do Programa SENAI de Ações Inclusivas (PSAI). Iniciativa que visa promover a inclusão de pessoas com necessidades específicas no mundo do trabalho, também contempla a vertente de promover capacitação profissional a mulheres em situação de risco e vulnerabilidade social, na busca de trabalho digno e geração de renda.

A Qualificação Profissional de Recursos Humanos ocorrerá nos meses de outubro, novembro e dezembro, com três módulos: Rotina de RH, Fundamentos de Informática e Comunicação Oral e Escrita. A Qualificação Profissional Assistente de Controle e Qualidade ocorrerá no ano que vem com três módulos: Técnicas e Fundamentos da Qualidade, Sistema de Gestão Integrada e Ferramentas da Qualidade.

A educadora penitenciária, Roméria Gomes, salientou que além de ser uma maneira concreta de seguir o que propõe a lei de execuções penais, a iniciativa é fundamental, pois garante às apenadas a conquista de uma formação profissional. “Ofertar as capacitações abre os horizontes para elas, no processo de ressocialização, pois aprendendo uma atividade, esse público terá novas oportunidades de refazer a vida e voltar para o mercado de trabalho”.

NEWSLETTER

Receba nossas notícias em seu e-mail ou celular.

IAPEN - Instituto de Administração Penitenciária do Amapá
Rodovia Duque de Caxias, km 07, Cabralzinho - (96) 3261-2700 - gabinete@iapen.ap.gov.br
Site desenvolvido e hospedado pelo PRODAP - Centro de Gestão da Tecnologia da Informação
2017 - 2021 Licença Creative Commons 3.0 International
Amapá